• Cleverson Oliveira. Sem Título #066 - Da série Além da Superfície, 2015. Grafite e caneta marcador permanente sobre tela, 115cm×160cm

  • Cleverson Oliveira. Sem Título #060 - Da série Além da Superfície, 2015. Grafite e caneta marcador permanente sobre tela, 115cm×160cm

  • Cleverson Oliveira. Sem Título #067 - Da série Além da Superfície, 2015. Grafite e caneta marcador permanente sobre tela, 115cm×160cm

  • Cleverson Oliveira. Sem Título #069 - Da série Além da Superfície, 2015. Grafite e caneta marcador permanente sobre tela, 115cm×160cm

  • Cleverson Oliveira. Sem Título #062 - Da série Além da Superfície, 2015. Grafite e caneta marcador permanente sobre tela, 115cm×160cm

  • Cleverson Oliveira. Sem Título - Da série Além da Superfície, 2014. Grafite sobre papel, 40cm x 25cm

  • Cleverson Oliveira. Sem Título - Da série Além da Superfície, 2014. Grafite e caneta marcador permanente sobre tela, 48cm×60cm

  • Cleverson Oliveira. Sem Título - Da série Além da Superfície, 2014. Grafite sobre papel, 40cm x 25cm

SOBRE O ARTISTA

Cleverson Oliveira nasceu no ano de 1972 em Curitiba, cidade onde vive e trabalha atualmente. Em 1994 concluiu o bacharelado em Escultura na Faculdade de Música e Belas Artes do Paraná e em 1996 tornou-se Especialista em História da Arte (curso de extensão universitária) pela New York University em Nova Iorque, Estados Unidos. Sua produção artística concentra-se em desenho, vídeo, áudio, fotografia e instalação. De 1996 a 2008 foi um dos principais artistas do coletivo B’N’S Sessions em Nova York.

Principais exposições individuais: “Debris”, Museu de Castro, Castro-PR (2012). “Fronteiras : Uma jornada pelas Américas” (Brasil), Museu da Fotografia, Curitiba-PR (2010). “Fotografias e desenhos”, Ybakatu Galeria de Arte, Curitiba- PR (2008). “Frontiers: A journey through the Americas”, M.Y. Art Prospects, Nova Iorque -EUA (2006). “Fronteiras: uma jornada pelas Américas”, Museu de Arte Contemporânea do Paraná, Curitiba-PR (2006). “Golden Years”, M.Y. Art Prospects, Nova Iorque –EUA (2004). “Clevelandia 2003: Fotografias e Desenhos” , Fundação Joaquim Nabuco, Recife-PE (2003). “Clevelandia 2003: Sete Vidas”, Museu da Fotografia, Curitiba-PR (2003). “Clevelandia 2002”, M.Y. Art Prospects, Nova Iorque-EUA (2002). “Clevelandia ‘99’ “, Museu da Gravura, Curitiba-PR (1999).

Principais exposições coletivas: “Viajantes Contemporâneos”, Pinacoteca do Estado de São Paulo- SP (2011). “O estado da Arte”, Museu Oscar Niemeyer, Curitiba-PR (2010).“Metamorphosis”, The other Gallery Shangai- China(2010). “Houston: we’ve had a problem”, Galeria Casa da Imagem, Curitiba-PR (2009). “5th Media Art Biennale”, Seoul - Koreia do Sul (2008). “Yeosu International Art Festival”, Yousu - Koreia do Sul (2008). “Amerikkka, The artists network”, Nova Iorque-EUA (2007). “A distant mirror”, M.Y.Art Prospects, Nova Iorque-EUA (2006). “Earth”, Spike Gallery, Nova Iorque-EUA (2006).” Body Double”, Cultural Center Zamek, Leznica Castle, Worclaw-Polônia (2006). “ Video Installations”, E.H.W.A University, Seoul- Korea (2005). “Gallery Collection Summer Show”, M.Y. Art Prospects, Nova Iorque-EUA (2005). “Mostra Ver”, Escola de Artes Visuais do Parque Lage, Rio de Janeiro- RJ (2005). “South American Video Artists”, White Box, New York Groundswell, White Columns, Nova Iorque-EUA (2005).” Phantom Limb”, Unit B Gallery, Chicago, “The Straight Show”, Chicago (2004). “The Wizard’s House”, M.Y. Art Prospects, Nova Iorque-EUA (2004). “Perceptions of the Self and the ‘Other’ in New Media Art: East and West”, Tenri Gallery, Nova Iorque- EUA (2004). “Moving Images”, The Windsor Hotel, Nova Iorque-EUA (2003). “Absences: Photographs of Urban Alienation”, Tenri Gallery, Nova Iorque-EUA (2003). “Photographs”, Silver Eye Center for Photography, Pittsburgh, Pennsylvania (2002). “Lost in Space” , Gary Tatintsian Gallery, Nova Iorque-EUA (2002). “New Photograph”, Arena Gallery, Brooklyn, Nova Iorque-EUA (2001). “Piás do Zodíaco”, 12º Festival Internacional Rio Cine, Rio de Janeiro, RJ (1996).

EXPOSIÇÕES

Q'est q c'est la photographie?

Coletiva

“Qu'est-ce que c'est la photographie?” é uma exposição a propósito da fotografia e não propriamente de fotografias: participam também desenhos, pinturas, esculturas, realizados por diversos artistas brasileiros. .A mostra conta com a participação de Carina Weidle, Cleverson Oliveira, Claudia Jaguaribe, Fábio Noronha, João Urban, José Spaniol, Sergio Romagnolo, Vik Muniz e outros.

Houston, we´ve had a problem

Coletiva

“Houston, we’ve had a problem” foi uma frase proferida pelo comandante da Apolo 13 momentos após uma violenta explosão que ocorreu na nave que os levava a lua. Aqui ela é invocada com o intuito de suscitar a idéia de problema: para o fazer artístico tal idéia é realidade essencial.